Quarta, 22 Novembro 2017 13:36

Detectado novo sinal que pode ser de submarino desaparecido, diz 'Clarín'

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Uma nova pista sobre o paradeiro do submarino argentino San Juan pode ter surgido nas últimas horas de terça-feira, disseram autoridades em condição de anonimato ao jornal "Clarín". Segundo estas fontes, a captura de um ruído, que pode ser um sinal emitido pela embarcação, estabeleceu um novo perímetro de busca no Atlântico Sul. Na semana passada, a Marinha acreditou que podia ter capturado sete sinais, mas, depois de alguns dias, confirmou-se que os sons eram biológicos, e não pedidos de socorro dos 44 tripulantes perdidos.

Por volta da meia-noite, segundo o jornal argentino, uma frota se dirigia para o lugar para verificar se o sinal corresponde ao submarino que desapareceu na semana passada, depois de ter perdido todo tipo de comunicação com as bases terrestres na quarta-feira. A versão coincide com outra da Marinha americana, que havia localizado com um de seus aviões uma mancha calórica, que corresponderia a um objeto metálico, a cerca de 300 quilômetros da costa de Puerto Madryn e a cerca de 70 metros de profundidade no Atlântico Sul.

O sinal não seria suficiente para determinar se o objeto detectado é o submarino desaparecido ou os destroços de algum naufrágio ocorrido na mesma área. De todo modo, as fontes reconheceram que a ordem enviada foi a de se dirigir em velocidade máxima diante da possibilidade de que o objeto material poderia ser o San Juan.

O "Clarín" tentou corroborar ambas versões, mas porta-vozes da Marinha e do Ministério da Defesa disseram que a informação ainda não está confirmada. Uma vez verificado esse sinal e, se for comprovado que se trata do submarino, começaria a operação de resgate para tentar retirar os 44 tripulantes da embarcação.

 

Ler 160 vezes