Radio Tupinamba AM

Radio Tupinamba AM

Com o objetivo de promover a comercialização de produtos e serviços de cunho literário, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Econômico (STDE), irá realizar, nesta terça (07/11), quarta (08/11) e quinta-feira (09/11), a I Feira do Livro de Sobral. A programação conta com oficinas, aulas, palestras e diversas atividades aos amantes da leitura e afins. “Estamos realizando um evento pra ficar na história do município, sobretudo para marcar o potencial literário que o nosso município tem. A Feira do Livro tem a missão de estimular ainda mais o fomento a leitura de Sobral prestigiando principalmente os nossos leitores e escritores”, ressaltou o titular da STDE, Inácio Ribeiro. Maurício de Souza A abertura da I Feira do Livro contará com a palestra magna do renomado cartunista Maurício de Sousa, criador da Turma da Mônica, nesta terça-feira (07/11), às 19h, no Centro de Convenções de Sobral. Os inscritos deverão apresentar, no dia do evento, comprovante de inscrição, documento de identidade com foto e a doação de um livro para o projeto "Abra as páginas e voe...", que serão doados para projetos sociais sem fins lucrativos e irão complementar os projetos de incentivo a leitura municipal. "É interessante que os inscritos na palestra cheguem, no mínimo, 1 hora antes do horário previsto para evitar tumultos. Ressaltamos ainda que as vagas serão limitadas", pontuou a gerente do Turismo, Margarida Melo. Fonte: Blog de Sobral
Com o objetivo de potencializar o ecossistema da música cearense, a Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria da Cultura, Juventude, Esporte e Lazer (Secjel) e da Escola de Cultura, Comunicação, Ofícios e Artes (ECOA), trazem à Sobral, nesta segunda (06/11) e terça-feira (07/11), a Feira da Música, que contará com uma programação repleta de atividades culturais. As 19h, a ECOA será palco de uma roda de conversa sobre produção artística com o cearense e idealizador da Feira da Música, Ivan Ferraro, e do músico, escritor, pintor e político cabo-verdiano, Mario Lúcio. Na terça-feira (07/11), integrando o programa “Largo Musical”, o Anfiteatro Largo das Dores, a partir das 19h, terá shows de Mario Lúcio (Cabo Verde/AFR), C. Magrão (Sobral) e Daniel Peixoto (Fortaleza). A Feira da Música vem à Sobral por meio de uma parceria entre a Prefeitura Municipal e o Projeto Porto Dragão do Mar, com o objetivo de fazer circular a vasta produção artística cearense, em diversas linguagens, dentro do próprio Estado e também nacional e internacionalmente, com apresentações em centros culturais, festivais e mostras. Feira da Música A Feira da Música traz como foco a cena da música local, buscando conhecer e aproximar artistas e bandas que estão produzindo em garagens e espaços alternativos, distantes dos grandes festivais. A partir disso, o evento pretende colaborar com o aperfeiçoamento destas produções e lançá-las à uma cena mais ampla, para além do Estado do Ceará. Serviço: XVI Feira da Música Quando? Abertura amanhã 06, às 19 horas Onde? Anfiteatro do ECOA (Travessa Adriano Dias, 135 - Centro) Quanto? GRATUITO Programação completa em: https://feiradamusica.com.br/ Fonte: Blog de Sobral
Sobral receberá a turnê comemorativa de dois anos do MediaDay, evento de tecnologia e educação. No dia 18 de novembro, das 8h às 18h, o Palácio de Ciências e Línguas Estrangeiras sediará um encontro de tecnologia com a oferta de nove oficinas gratuitas de programação, criação de personagens, fotografia, animação, stop motion, design, criação de marca, entre outras. Os interessados podem fazer a inscrição (AQUI). A entrada no evento será trocada por 1 kg de alimento não perecível. Todos os participantes receberão certificado de participação e a programação do evento contará também com atividades culturais com jogos e cinema nos intervalos das oficinas. SOBRE O MEDIA DAY O Media Day é um projeto de extensão itinerante com o objetivo de fomentar os conhecimentos e habilidades dos seus participantes, proporcionando um contato direto e prático com as áreas de estudos do curso de Sistemas e Mídias Digitais da Universidade Federal do Ceará, divulgando em diversas cidades do Estado do Ceará os trabalhos desenvolvidos no curso e estimulando o interesse pela Universidade. PROGRAMAÇÃO 8h às 10h30 - Credenciamento e novas inscrições 8h30 às 9h - Abertura do evento 9h às 11h - Oficina de criatividade, programação para dispositivos móveis, criação de personagens para jogos e animação analógica 12h às 14h - Jogos de Super Nintendo, Just Dance e Media Cine 13h30 às 14h30 - Credenciamento e novas inscrições 14h30 às 17h - Oficina de stop motion, fotografia, design de experiência, criação de marca e criação de personagens para jogos. Fonte: Blog de Sobral
Terça, 07 Novembro 2017 12:14

Sobral realiza a V Semana do Adolescente

Começa nesta segunda-feira (06/11) a V Semana do Adolescente. O evento, que foi construído com participação juvenil e engajamento dos adolescentes, acontece no Centro de Ciências da Saúde (CCS) da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Para Juliana Braga, responsável pelo Projeto Flor do Mandacaru, uma das articuladoras do evento, “essa semana é um estímulo ao protagonismo juvenil, dando ao jovem o espaço necessário para compartilhar suas idéias e talentos, com o objetivo de promover saúde e garantir direitos”, afirmou. O evento conta com ações intersetoriais em todos os territórios do município, que irão abordar os temas cultura de paz e projeto de vida, escolhidos pelos próprios adolescentes. A Semana do Adolescente que faz parte do calendário municipal, articulado pela Estratégia Trevo de Quatro Folhas e pelo Projeto Flor do Mandacaru, da Secretaria da Saúde de Sobral, em parceria com as demais secretarias. O evento acontece desde 2013 e se caracteriza por ações descentralizadas e intersetoriais que estimulam o protagonismo juvenil e controle social, promovendo saúde e garantindo os direitos dos adolescentes. Fonte: Blog de Sobral
A derrota por 1 a 0 para o Juventude já é página virada no Ceará. Ao soar do apito final no estádio Alfredo Jaconi, na última sexta-feira, 3, o momento já era de focar no Guarani-SP, adversário de amanhã, às 20h30min (horário de Fortaleza), no Castelão, em duelo válido pela 34ª rodada da Série B do Brasileiro. Com bom retrospecto em casa, o Vovô terá que fazer valer a força que tem como mandante para manter firme a caminhada ao acesso. A importância da construção de bons resultados atuando diante de seu torcedor aumenta pela tabela que o Ceará ainda tem pela frente. Dos cinco jogos restantes, três serão realizados em casa (além de Guarani, o Ceará ainda enfrentará Paysandu e ABC no Castelão). Se conquistar vitórias em todos os compromissos como mandante, soma nove pontos e atinge 67, número que garante o acesso à Série A. Dos 16 jogos que já fez em casa, o Ceará venceu nove, empatou quatro e perdeu três, tendo marcado 21 gols e sofrido apenas 12. O aproveitamento de 64,6% faz o Alvinegro ser o 6ª melhor mandante de todo o campeonato. O retrospecto recente tem sido ainda mais favorável ao time de Porangabuçu. Nos últimos oito jogos, foram seis vitórias e dois empates. A última derrota foi no dia 21 de julho, por 1 a 0, para o Goiás. “A gente tem que seguir da forma que vem jogando em casa, com imposição e qualidade de jogo. Nós crescemos muito nosso percentual de aproveitamento de pontos em casa nos últimos jogos com essa postura, e devemos mantê-la para o próximo jogo”, analisou o técnico Marcelo Chamusca em coletiva após a partida em Caxias do Sul. A equipe, que chegou apenas na noite de sábado, folgou ontem e se reapresenta hoje à tarde. Para o jogo de amanhã, o treinador alvinegro contará com o retorno do lateral esquerdo Romário, que cumpriu suspensão contra o Juventude. Líder de assistências do time na temporada, com oito passes para gol, o camisa 6 é peça fundamental no esquema do treinador, que não terá nenhum desfalque por suspensão. VISITANTE Se conta com bom retrospecto atuando em casa, o Vovô enfrentará um adversário que vai muito mal quando joga longe de seus domínios. O Guarani, que atualmente ocupa a 15ª colocação, com 39 pontos, e briga contra o rebaixamento, correndo o risco de entrar na Z-4 caso seja derrotado amanhã, possui o segundo pior desempenho como visitante na Segundona 2017. Em 16 jogos, foram somente duas vitórias, quatro empates e dez derrotas. O Bugre só balançou as redes adversárias em 12 ocasiões, tendo sido vazado 25 vezes. O momento é de tensão para o time de Campinas, que nas últimas cinco partidas perdeu duas, empatou duas e venceu só uma. Fonte: O Povo
Fortaleza receberá, entre os dias 5 e 10 de novembro, no Seara Praia Hotel, na Beira-Mar, bairro Meireles, a 22ª reunião anual do projeto de colaboração internacional ‘Prediction and Research Moored Array in the Tropical Atlantic’, também conhecido pelo seu acrônimo ‘Pirata’. Em 2017, o projeto completa 20 anos. Antes da abertura oficial, a partir desta sexta-feira (3) até o dia 5, será realizada uma Summer School (Escola de Verão), que introduzirá questões científicas-chave do oceano Atlântico Tropical para cientistas, profissionais e estudantes de graduação e pós-graduação, principalmente aqueles ligados à área de oceanografia e meteorologia. De acordo coordenador do curso de Oceanografia do Instituto de Ciências do Mar (Labomar) da Universidade Federal do Ceará, Prof. Dr. Antônio Geraldo Ferreira, aproximadamente 40 jovens pesquisadores do Brasil e do Exterior irão participar da Escola de Verão. Na conferência principal cerca de 110 participantes já garantiram presença. “Este público de excelência científica é um alvo privilegiado para a Mercator Ocean, o centro francês para análise e previsão do oceano que organiza a Escola de Verão pela primeira vez na América do Sul”, explica Ferreira. Com apoio do Labomar e da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), o evento reunirá ainda pesquisadores do Ceará e de outros estados do Brasil, além de representantes de países como França e Estados Unidos para discutir os avanços dos estudos das interações oceano-atmosfera na região tropical do Oceano Atlântico. Esta será a segunda reunião do projeto em Fortaleza. Entre os principais objetivos do encontro estão: introdução de questões científicas-chave sobre a variabilidade climática do Atlântico Tropical; aumentar o conhecimento dos participantes sobre o Programa Copernicus da União Europeia; reunir jovens cientistas e profissionais que serão os principais motores e usuários de dados oceanográficos operacionais no Brasil e América do Sul nos próximos 10 anos; além de fornecer treinamento direto em questões científicas usando produtos do Copernicus Marine Environment Monitoring Service (CMEMS), que em tradução livre significa “Serviço Europeu de Monitoramento do Ambiente Marinho Copernicus”. “A realização da conferência em Fortaleza também contribuirá para o entrosamento científico da região com outras partes do mundo, uma vez que os estudantes e pesquisadores presentes terão a oportunidade de colaborar com pessoas do mundo todo que estão engajadas nessa área do conhecimento, em diferentes projetos e colaborações no sentido de treinamento, bem como pós-graduação e programas de intercâmbio. Além disso, a conferência oferecerá uma oportunidade para exposição dos trabalhos realizados pela comunidade científica, promovendo discussão e avanço na área de oceanografia”, reforça o presidente da Conferência Pirata 22. Importância O Pirata é formado por uma rede de boias meteo-oceanográficas operadas e financiadas pela França, Brasil e pelos Estados Unidos. Inicialmente, em 1997, recebeu o nome “Pilot Research Moored Array in the Tropical Atlantic”, porém, um ano depois, foi alterado para “Prediction and Research Moored Array in the Tropical Atlantic”. Com um total de 21 boias localizadas no Oceano Atlântico Tropical, o Projeto Pirata disponibiliza diariamente gráficos de radiação solar, precipitação, vento, umidade relativa, temperatura do ar, pressão, temperatura de superfície do mar, temperatura de sub-superfície, salinidade e densidade. Com essas informações, a Funceme, entre outros órgãos, desenvolve, por exemplo, produtos com foco regional, que permitem realizar o monitoramento continuo da interface oceano-atmosfera no Atlântico Tropical, auxiliando sobremaneira as tarefas de previsão de tempo, clima e do estado do mar. Fonte: Governo do estado
A ZPE Ceará acaba de ser homenageada, no auditório Adán Martín, em Tenerife, na Espanha, pela publicação FDI, do jornal inglês Financial Times, em duas categorias: alto reconhecimento- Melhor Zona Franca das Américas e Melhor Zona Franca em Atualização da Infraestrutura. O presidente da ZPE Ceará, Mário Lima Júnior, recebeu a premiação das mãos da diretora regional do jornal Financial Times, Charlotte Lloyd. O Governo Federal acompanhou a solenidade de premiação da ZPE Ceará, em Tenerife, por meio da Secretária Executiva do Conselho Nacional de Zonas de Processamento de Exportação, Thaise Dutra, do MDIC. Segundo Mário Lima, a premiação do Financial Times é o reconhecimento do esforço realizado pelo Governo do Ceará, juntamente com a equipe da estatal, no sentido de dotar a ZPE Ceará de uma infraestrutura completa para recepcionar investimentos de todos os portes. “Esse trabalho está sendo realizado com a orientação estratégica do Secretário de Assuntos Internacionais do Estado, Antonio Balhmann, que tem vendido a excelente imagem da ZPE Ceará e também do Estado dentro e fora do país”, explica. Segundo Antonio Balhmann, o Governador Camilo Santana tem dado total apoio à ZPE Ceará e realizado todos os investimentos em infraestrutura necessários ao projeto, para trazer mais desenvolvimento para o Ceará. “Com a expansão da ZPE Ceará, ou seja, com a incorporação dos 2 mil novos hectares, a ZPE passou a contar com uma área disponível para uma zona livre pelos próximos 50 anos”, explica. Balhmann ressalta que a ZPE Ceará está agora investindo na atração de investimentos em diversas áreas, dentre elas pedras ornamentais, visando o mercado americano e componentes para a indústria de petróleo, visando a América Latina, por meio de empresas chinesas. Conforme Balhmann, o projeto de instalação da refinaria chinesa na ZPE Ceará está bem encaminhado. Ele revela que nos próximo dias, deverá voltar à China com o Governador para apresentar o projeto da refinaria ao banco chinês, que pretende financiá-lo. “Em 2016, a ZPE Ceará também foi premiada em quatro categorias pelo FDI, somando, portanto, seis prêmios internacionais em dois anos.Tudo isso torna a ZPE Ceará ainda mais atrativa para os investidores internacionais”, conclui. Expansão A ZPE Ceará foi inaugurada no dia 30 de agosto de 2013, sendo a primeira do País a entrar em operação e integra o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), no município de São Gonçalo do Amarante, a cerca de 60 km de Fortaleza. Recentemente, a ZPE Ceará incorporou uma área de 1.911,04 hectares antes destinada para a implantação da Refinaria Premium II da Petrobrás, o que permitiu a expansão de sua poligonal de 4.271,4 hectares para 6.182,44 hectares. A nova área da ZPE Ceará está dividida por setores, sendo o Setor II Norte destinado para a captação de um projeto de refinaria compacta e moderna, que está em estágio avançado de negociação com a China, e o Setor II Sul para indústrias dos setores têxtil, petroquímico, metalmecânico, agroindústria, granito e alimentos, dentre outros. Fonte: Governo do Estado
Ela é considerada o “termômetro da economia”. Se a construção civil está bem, o Brasil está bem. Estima-se que são cerca de 13 milhões de pessoas trabalhando no setor, considerando empregos formais, informais e indiretos. É uma cadeia gigante. A notícia boa é que agora ela começa a sinalizar a retomada do crescimento, mesmo ainda moderada. Em julho deste ano, pela primeira vez depois de 33 meses, as contratações com carteira assinada nas obras superaram as demissões, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego. Mas por que isso é bom para o país? Na prática, a melhora do cenário na construção civil tem impacto em diversos outros campos da atividade econômica. Os investimentos em obras impulsionam áreas importantes para o desenvolvimento urbano. A construção de mais moradias diminui o déficit habitacional, a ampliação do saneamento básico melhora as condições de saúde da população e a expansão da mobilidade urbana oferece praticidade ao cotidiano, trazendo qualidade de vida. Além disso, à medida que as pessoas voltam aos seus postos de trabalho, as famílias recuperam sua capacidade de consumo, o que faz o comércio enxergar melhoras nas vendas, aumentando também a demanda da indústria. E o governo também ganha. A cada R$ 100 investidos na construção, R$ 25 voltam para os cofres públicos em forma de imposto.“A construção civil é uma forte empregadora. Diferente de outros setores, como o automobilístico, por exemplo, é uma atividade na qual a mão de obra humana é muito necessária. Nesse aspecto, ela é fundamental na retomada da economia”, avalia o presidente do Secovi-SP, Flavio Amary. Espelho da economia Por todos esses motivos ela é um espelho da economia. Nos anos de maior crescimento do país, como em 2010, quando o PIB do Brasil teve aumento de 7,5%, o PIB da construção civil cresceu 13,1%. Em 2014, último ano em que o PIB brasileiro registrou variação positiva (0,5%), o PIB da construção civil ficou em -2,1%, conforme dados da Câmara Brasileira da Indústria da Construção. É por isso que, ao menor sintoma de melhoras, é na construção civil que aparecem os primeiros resultados positivos. É um ciclo virtuoso que, para ser retomado, precisa do investimento. A recuperação do nível de emprego dos trabalhadores nas obras é um dos principais fatores para que a economia volte a crescer. Demanda habitacional Além disso, o investimento em construção civil é fundamental para resolver outro problema do país: a demanda habitacional. Levantamento feito pelo Secovi-SP em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) estima que, entre 2015 e 2025, o Brasil precisa construir 14,5 milhões de novos domicílios para suprir o déficit por moradia. “Esse outro lado da demanda também é muito forte, e é preciso que os níveis de confiança da população voltem a crescer”, observa Amary. Aos poucos, isso começa a acontecer. Segundo o Secovi-SP, entre o primeiro semestre de 2016 e o primeiro semestre de 2017, houve um crescimento próximo de 10% em vendas e lançamentos imobiliários. “Se a gente prestar atenção, vemos um aumento no volume de lançamentos. São sinais de recuperação que, gradualmente, tomam forma”, conclui Amary. Você vai ver mais sobre construção civil e outros setores da infraestrutura nos próximos meses no projeto Em Movimento, na TV Globo e no G1. Fique ligado. Fonte: g1/CE

O Sindicato das Construtoras do Ceará (Sinduscon-CE) promove, nos próximos dias 7 e 8 de novembro, no La Maison Dunas, o InovaConstruir 2017. A 2ª edição do maior evento técnico da construção civil no Nordeste pretende reunir mais de 800 participantes, entre empresários, engenheiros, arquitetos, investidores, estudantes e demais profissionais da área.

A ideia é ter esse momento para compartilhar e discutir possibilidades de inovação na construção civil, seja no tipo de material utilizado seja no processo e modelo de gestão aplicados na construção. “A tecnologia auxilia na prestação dos serviços e garante maior competitividade. Além disso, pode ser considerada diferencial na hora de conquistar a confiança de um novo cliente”, argumenta André Montenegro de Holanda, presidente do Sinduscon-CE.

Assim como na primeira edição, realizada em 2016, o InovaConstruir 2017 apresentará inovações a partir de cases nacionais e internacionais de sucesso, aplicadas atualmente no setor. O patrocínio do evento é da Amanco, Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Social da Indústria (Sesi) e Sistema Fiec.

Impressão 3D

A principal palestra do InovaConstruir 2017 abordará o uso de impressão 3D na construção. A empresa chinesa WinSun, reconhecida no mercado da construção de casas com peças impressas em 3D, apresentará seus feitos, como: produção de dez casas de 200 m² em 24 horas; uma mansão de 1.100 m² com uma impressora de 7 m de altura; e o primeiro escritório do mundo, com 610 m², construído apenas com impressão em 3D, em Dubai.

A defesa é de que a tecnologia pode eliminar o desperdício de materiais nos canteiros de obra e diminuir o tempo da construção, pois as impressoras são instaladas no lugar da obra. Além disso, o custo chega a ser dez vezes menor.

Lançamentos

Durante o InovaConstruir, haverá ainda o lançamento da Revista Inovacon - Melhores Práticas. A publicação é de autoria dos membros do Programa de Inovação da Indústria da Construção (Inovacon), núcleo tecnológico do Sinduscon-CE, em parceria com diversas construtoras do Ceará. A revista traz as 16 melhores práticas realizadas atualmente pelo setor, com o objetivo de disseminar ideias nas áreas de planejamento, projeto, execução e pós-entrega.

Todos os participantes do evento receberão um exemplar da publicação, que também ficará disponível para download no site do Sinduscon (www.sindusconce.com.br).

Programação

A programação do InovaConstruir 2017 terá as seguintes palestras:

- Técnica de impressão 3D que imprime casas em tamanho real – Ma Yihe / Presidente e diretor executivo da WinSun;

- Shopping Morumbi Town: vencedor do Prêmio Obra do Ano em Pré-fabricados de Concreto pela Abcic – Carlos Alberto Gennari / Sócio-proprietário da Leonardi Construção Industrializada;

- Sistemas construtivos em aço - Fábio Wagner Leão / Gerente comercial na Codeme Engenharia;

- Diferenciais de BIM e Sustentabilidade: cases do Terminal Marítimo de Fortaleza e Campus da Fiocruz - Alexandre Landim / Sócio da empresa Architectus;

- Pedra Branca - 1º bairro com conceito sustentável implantado no Brasil - Dilnei Bittencourt / Diretor de engenharia do projeto Pedra Branca;

- Órion Business e Health Complex: o 1º e mais alto complexo integrado de negócios e saúde no Brasil – Frank Guimarães / Gestor técnico-financeiro do consórcio Construtor FR/GVC e Complexo Órion;

- Construct app - Aplicativo para a gestão e acompanhamento das obras: interface entre escritório e canteiro de obras - Drew Beaurline e Patrick Albert / co-fundadores da startup Construct;

- Inovação nos projetos de paisagismo: Benedito Abbud / Presidente da Benedito Abbud Arquitetura Paisagística;

- BS DESIGN - 1º Edifício A+ de Fortaleza, alta graduação de qualidade internacional e pré-certificação LEED: Ricardo Ary / Diretor de Operações da Bspar Incorporações;

- Realidade virtual em empreendimentos imobiliários: Rodrigo Schneider / Diretor de Marketing da Loox VR;

- A tecnologia de vigas superjumbo em arranha céus: Johann Andrade Ferrareto / Suporte técnico-comercial da ArcellorMittal;

- Sistema Tecverde em empreendimentos com tecnologia pré-fabricada em Light Wood Frame: Pedro Virmond Moreira / Sócio diretor na Tecverde Engenharia;

- Gerador Solar Heliotrópico: Roberto Campos / Engenheiro Mecânico na Autoterm;

- Avanços e inovações nas estruturas pré-fabricadas de concreto e suas aplicações em obras de infraestrutura e edifícios altos - Aquiles Gadelha / Diretor da T&A Pré%u2010fabricados;

- Tecnologia para recalque em empreendimentos com grandes alturas - Case Edifício Kingdon (Goiânia): Thiago Silva, da Amanco.

Serviço

InovaConstruir

Data: 7 e 8 de novembro de 2017

Local: La Maison Dunas (av. Engenheiro Luiz Vieira, 555 - Papicu)

Programação e Inscrições: www.inovaconstruirexperience.com.br

Fonte: O Povo

Após “perder” a queda de braço contra a Luarenas — embora o vice-presidente do clube, Marcello Desidério, tenha informado em redes sociais que a administradora do Castelão fez uma compensação financeira —, o Fortaleza recebe o Floresta hoje no Estádio Presidente Vargas para a disputa da primeira partida da final da Taça Fares Lopes.

Reforçado por mais atletas que disputaram a Série C do Brasileiro, o time comandado por Daniel Frasson precisa vencer para construir uma vantagem para o jogo da volta, já que o Floresta joga por dois empates porque carrega melhor campanha. DENTRO DO PLANEJADO 

De olho em uma vaga para a Copa do Brasil 2018, que ainda não possui, o Leão chega para a final com um time mais robusto em relação ao que disputou a maior parte do certame. Da base formada especificamente para a Fares Lopes, apenas o lateral esquerdo Danilo deve começar como titular hoje. 

Tudo já estava planejado, entretanto, segundo Frasson. “Era o pensamento nosso, já lá atrás, de que quanto mais forte for o grupo, mais perto da conquista vamos ficar. Sabíamos que quando houvesse afunilamento e o Fortaleza conquistasse o primeiro objetivo (subir para a Série B), esses jogadores ficariam à disposição”, comentou o treinador. 

O comandante tricolor ressaltou que “o importante no momento é preparar o psicológico dos atletas que estão descendo da Série C”, mas também destacou o comprometimento deles. “Eles entendem que essa conquista é importante para o clube”, disse Frasson. 

O adversário que o Leão tem pela frente é marcado pelo entrosamento. O Floresta manteve boa parte do elenco que conseguiu este ano acesso para a divisão principal do Campeonato Cearense e os garotos que compõem o elenco jogam juntos há pelo menos três anos. 

Comandado pelo técnico Raimundinho, e com o artilheiro da competição, Felipinho (cinco gols), o time da Vila Manoel Sátiro sonha em estrear em uma competição nacional.

 

FARES LOPES 

FORTALEZA 

TÉCNICO: DANIEL FRASSON 

4-3-3:

Marcelo Boeck, Felipe, Del’Amore, Adalberto, Danilo (Bruno Melo); Anderson Uchôa, Jefferson (Pablo), Adenilson; Jô, Leandro Cearense (Lúcio Flávio), Hiago

FLORESTA 

TÉCNICO: RAIMUNDINHO

 

4-4-2 David, Danrley, Regineldo, Cláudio Caça-Rato, Carlos; Dim, Bruno Ocara, Otacílio Neto, Renezinho, Edson Cariús, Felipinho Local: Presidente Vargas, Fortaleza-CE Data: 1/11/2017 Horário: 20 horas Árbitro: César Magalhães Assistentes: Arnaldo Souza e Mardônio Ribeiro Ingressos: R$ 50 (cadeira social), R$ 10 (arquibancada) Transmissão: Rádio O POVO/CBN (AM 1010 FM 95.5) e FCF TV. Tempo real em opovo.com.br/esportes

Fonte: O Povo

Pagina 2 de 202